quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

ATUAL PREFEITO DE ACARI RN


ISAIAS DE MEDEIROS CABRAL, NASCIDO A 25/7/70, NATURAL DE ACARI, ELEITO EM 3 DE OUTUBRO DE 2008, TOTOMOU POSSE EM 1º DE JANEIRO DE 2009, COMERCIANTE

vice-prefeito

ANTONIO BEZERRA NETO, CONHECIDO POPULARMENTE POR "FERNANDÃO", NATURAL DE ACARI-RN, NASCIDO A 9 DE MAIO DE 1943

EX-PREFEITOS DE ACARI RN


Francisco Serafico Dantas
Eleito em 05/01/58
CHICO SERÁFICO (FOTO), NASCEU EM 1912 E FALECEU EM 25 DE ABRIL DE 2009
VICE – Gutemberg Pereira de Brito
Silvino Bezerra Filho - eleito em 15/11/1976
VICE – Onessimo da Silva
José Bráz - eleito em 15/11/1982
José Fernandes Neto - eleito em 15/11/1988

Juarez Bezerra de Medeiros , natural de Acari-RN, nascido a 22 de junho de 1950- eleito em 03/10/1992
Maria Salésia Fernandes - eleito em 03/10/1996
VICE – Paulo Francinete Bezerra
Eduardo Bezerra Fernandes - eleito em 01/10/2000

Juarez Bezerra de Medeiros 2º mandato - eleito em 01/10/2004
VICE-PREFEITO

ANTONIO CARLOS FERNANDES DE MEDEIROS, natural de Acari-RN, nascido a 10 de maio de 1964

HISTÓRIA DE ACARI - RN

O TERRITÓRIO do Município era habitado pelos índios cariris, que para ali se deslocaram em
virtude das perseguições movidas pelos colonizadores da Paraíba, em fins do século XVII.
Em 1737, o fundador do povoado onde está localizada a Cidade, Sargento-mor Manuel Esteves
de Andrade, obteve permissão do Bispo de Olinda para erguer a capela, consagrada a Nossa Senhora
da Guia.
O escritor José Augusto registra que o povoamento da região do Seridó começou no final do
século XVIII, durante a "guerra dos Bárbaros", culminando com o afastamento dos índios habitantes
das margens do rio Açu. Assim, chegaram à localidade seus primeiros desbravadores, vindos de
Pernambuco e da Paraíba.
Segundo o historiador Câmara Cascudo, o topônimo do Município originou-se dos acaris,
peixes de escamas ásperas e carne branca, cujo habitat era o “poço do Felipe". O poço era suprido pelo
rio Acauã, que o mantinha abastecido de água suficiente para a sobrevivência dos peixes.
Gentílico: acariense
Formação Administrativa
Distrito criado com a denominação de Acari, pela lei provincial nº 15, de 13-03-1835.
Elevado à categoria de vila com a denominação de Acari, pela resolução do conselho do
governo, de 11-04-1833, desmembra de Príncipe (mais tarde Caicó) Instalada em 18-03-1835.
Elevado à condição de cidade com a denominação de Acari, pela lei estadual nº 119, de 15-08-
1898.
Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município é constituído do distrito sede.
Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.
Pelo decreto estadual n.º 603, de 31-10-1938, são criados os distritos de Carnaúba e Cruzeta e
anexado ao município de Acari.
No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o município é constituído de 3
distritos: Acari, Carnaúba e Cruzeta.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VI-1950.
Pela lei estadual n.º 915, de 24-11-1953, desmembra do município de Acari o distrito de
Cruzeta.
Pela lei estadual n.º 1028, de 11-12-1953, desmembra do município de Acari o distrito de
Carnaúba. Elevado à categoria de município com a denominação de Carnaúba dos Dantas.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído do distrito sede.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.
FONTE: IBGE

MÔNICA NÓBREGA DANTAS


NATURAL DE ACARI-RN. NASCIDA EM 5 DE MAIO DE 1915 E FALECEU EM 18 DE JULHO DE 2000. FOI PREFEITA DE MACAÍBA, NO PERÍODO DE 31 DE JANEIRO DE 1963 A 15 DE SETEMBRO DE 1966 (RENUNCIOU)E DEPUTADA ESTADUAL

INFORMAÇÕES DE ACARI RN

CARACTERÍSTICAS

Considerada a cidade mais limpa do Brasil e a musa do Seridó, Acari é uma das cidades mais antigas do interior do Rio Grande do Norte. Sua beleza natural reúne imensas serras e grandes reservatórios de água, atraindo vários turistas e “filhos” distantes que procuram mesclar diversão, fé e devoção.

Clima


Tropical semi-árido


COMO CHEGAR

Saindo de Natal em direção a Macaíba pela RN-226 até Currais Novos, de lá tomando a BR-427.

Localização

Central Potiguar

Limites

Currais Novos, São Vicente, Cruzeta, São José do Seridó,Frei Martinho-Paraíba, Jardim do Seridó e Carnaúba dos Dantas.

Acesso Rodoviário

RN-226 e BR-427

Distâncias

201 km da Capital

TURISMO EM ACARI - RN

A principal atração turística é o Açude Gargalheiras, situado na bacia do Rio Acauã, a 04 quilômetros da sede do município, que chama atenção pelo belo cenário que apresenta, principalmente no inverno, quando forma uma enorme cachoeira.

Para quem gosta de aventura, nada melhor do que escalar a Serra do Bico da Arara, que em determinadas épocas do ano (abril a outubro) abriga em suas grutas sete milhões de andorinhões vindos da África. Tem ainda inúmeras surpresas de um artesanato rico e uma culinária típica, que tornam a viagem inesquecível.

Principais Pontos Turísticos

Capela Nossa Senhora de Lourdes

Sobrados – Casario Urbano

Casas de Fazenda (Pinturas, Talhado, Pendanga, Imburana, Ingá, Caiçarinha, Trincheiras).

Sítios Arqueológicos e Treks Ecológicos

O Museu Histórico de Acari

Também conhecido por Museu do Sertanejo, localizado no antigo prédio da cadeia e intendência (Casa de Câmara e Cadeia), conta um pouco da sua colonização. Com 11 mil habitantes, o primeiro povoado de Acari surgiu em 1735, junto ao poço do Felipe, onde tropeiros paravam para dar água para o gado. A emancipação para município só aconteceu em 11 de abril de 1833, quando deixou de pertencer a Caicó.

Igreja de Nossa Senhora do Rosário


A capela, em homenagem a Nossa Senhora da Guia, ficou pronta em 1738, permanecendo matriz da cidade até 1867, segundo Oswaldo de Souza Câmara. Deixando de ser sede paroquial, devido à construção de uma nova igreja, sendo dedicada a Nossa Senhora do Rosário. Entre 1836 a 1840, ocorreram reformas por iniciativa do capitão Tomás de Araújo Pereira, ganhando patamar e os corredores laterais. Parte das imagens que possui: Santo Ambrósio, São bento, São Gonçalo, São Miguel, São José, N. S. da Conceição e N. S. do Rosário, datam do século XVIII; sendo consideradas a obra de arquitetura religiosa mais bem proporcionada do estado. Construída em tijolo cozido e liga resistente de argamassa de areia doce e barro vermelho. A fachada principal simples, com portada de verga curva encimada por cimalha e porta de folhas almofadadas. As partes laterais são fechadas por pequenos muros com portões de ferro de uma só face. Frontão em volutas, com ornatos conchóides, coroado por cruz. Pináculo sobre os cunhais. Retábulo do altar-mor em madeira. Sobre o sacrário existe um oratório de frisos e lambrequins dourados, onde se encontra a imagem de madeira da Madona do Rosário.

mais

mais

ASSOCIAÇÃO GARGALHEIRAS MOTO CLUBE- ACARI


Escudo da Associação Gargalheiras Moto Clube, na cidade de Acari, Rio Grande do Norte

DR, PAULO BEZERRA

Paulo Bezerra, médico, sócio do Instituto de Radiologia de Natal. Paulo nasceu em Acarí-RN e possui dois livros publicados.

CEL BRANCISCO B. DO NASCIMENTO


FRANCISCO B. DO NASCIMENTO
TEN. CEL PM

NATURAL DE ACARI/RN, NASCIDO A 3 DE AGOSTO DE 1952


FRANCISCO B. DO NASCIMENTO
TEN. CEL PM
ACARI/RN *03/08/1952
CFO PAU D´ALHO/PB - ASP 80
COMANDOU DE 16/03/99 A 02/05/00

Ginásio Dr. Jorácio Mamede Galvão - acari-rn

Ginásio Dr. Jorácio Mamede Galvão,na cidade de Acari, Estado do Rio Grande do Norte

PADRES ACARIENSES

FONTE: SITE DA PARÓQUIA DE ACARI-RN
Pe. Tomaz de Araújo Pereira Pe. José Dantas Cortêz Pe. Ernesto da Silva Espínola Pe. Darci Lopes de Araújo

IGREJA MATRIZ DE ACARI - RN


Resumo Histórico da Paróquia

A Paróquia de Nossa Senhora da Guia do Acari foi criada em 13/03/1835 por D. João da Purificação Marques Perdigão, 17º Bispo da Diocese de Olinda. Em 1838 já havia sido construída a 1ª capela de Nossa Senhora da Guia, conforme licença concedida ao Sargento-mor Manoel Esteves de Andrade. Essa Capela é hoje a Igreja de Nossa Senhora do Rosário, tombada pelo patrimônio histórico, cuja bênção foi dada aos 14 de abril de 1938.
A atual Matriz é a 2º igreja dedicada em Acari, a Nossa Senhora da Guia. A pedra fundamental do novo templo foi benta e lançada no dia 15 de agosto de 1857, e concluída a 3 de dezembro de 1863. A transladação da imagem de N. S. da Guia da primitiva capela para a nova igreja ocorreu no dia 5 de agosto de 1867, véspera do início da sua festa. À frente da construção da nova matriz esteve um filho da terra, e seu primeiro vigário durante 35 anos (16/04/1935 a 04/06/1870), o Padre Tomaz de Araújo.
A paróquia dispõe, além das duas igrejas supras citadas, da gruta de Nossa Senhora de Lourdes, no Povoado Gargalheiras; da Capela de N. S. da Conceição, no sítio "Bico d'Arara"; da Capela de São Francisco de Assis, no sítio "Vaca Brava"; da Capela de São José, no sítio "Cacimba do Meio"; da Capela e Centro Pastoral São Francisco de Assis e a Capela de N. S. do Perpétuo Socorro, no bairro Ary de Pinho. Capela de São José, no povoado Bulhões; Capela de São Sebastião, no Cj. Habitacional Novo Acari; Capela de Santa Luzia, no bairro Tarcísio Bezerra Galvão; Capela de Santa Rita de Cássia, no bairro Petrópolis; e Capela de N. Senhora três vezes Admirável, no bairro Dinarte Mariz, (Em construção).
Na cidade, a Paróquia possui o Centro Social Cônego Deoclides de Brito Diniz, que é utilizado para reuniões pastorais e outros eventos da comunidade paroquial.
Foi desmembrado no ano de 1997 da paróquia de Acari, a Paróquia de São José, da cidade de Carnaúba dos Dantas. Na paróquia de Nossa Senhora da Guia, os leigos católicos estão engajados em associações religiosas, pastorais, organizações e movimentos, como: Apostolado da oração (completou 100 anos em 1999), Congregação Mariana, Pia união de Stª Terezinha e OVS, Confraria de São Miguel e Santa Edwirgens, Renovação Carismática Católica - RCC, Capelinhas de N. Senhora, Legião de Maria, Ordem Franciscana Secular, Ministros Extraordinários da Eucaristia, Grupo de Coroinhas, Pastoral do Dízimo, Pastoral da Criança, Pastoral da Liturgia, Pastoral da Comunicação, Pastoral da Juventude, Pastoral da Família, Pastoral Carcerária, Pastoral do Batismo, Pastoral dos Noivos, Pastoral da Catequese, Pastoral Juvenil (Infância Missionário, Marianinhos, JAN, Cruzada Eucarística), Catequese da 1ª Eucaristia, Sacramento da Crisma, Catequese de Adultos (evangelização do Centro e Bairros da cidade). A Paróquia conta ainda com a Escola de Catequese São Francisco Xavier (Curso Ecoando), dirigida pelo Pe. Raimundo Sérvulo da Silva.
A Paróquia ainda dispõe de dois importantes organismos: o Conselho Pastoral, que promove e coordena as pastorais; e o Conselho de Assuntos Econômicos, que gera os bens da paróquia. Todo trabalho realizado por esses grupos atuantes na vida da paróquia é o resultado da ação ministerial dos párocos que se sucederam, principalmente o saudoso e estimado Cônego Deoclides - o Padre Deó - durante mais de trinta anos e que está sendo continuado e atualizado pelo Padre Raimundo Sérvulo da Silva nos dias de hoje.

"Paróquia, comunidade sólida na vivência do Evangelho."

FONTE: SITE DA PARÓQUIA DE ACARI




GARGALHEIRAS

Durante cinqüenta anos a natureza esperou que a boa vontade e mão do homem fizessem a sua parte. De um estreito vale entre serras surgiu o Gargalheiras, o mais belo reservatório d'água do interior do Rio Grande do Norte e um dos principais pontos turísticos para quem percorre os roteiros do Seridó.

O antigo estreito, agora transformado em Gargalheiras, volta a esperar pela boa vontade e pela mão do homem, para oferecer uma boa estrutura de lazer, aventura e diversão para quem visita aquela região. O potencial latente está aflorando e um dia vai explodir.

A grande represa está localizada a três quilômetros de Acari, uma das cidades mais representativas da colonização portuguesa no Brasil, com uma arquitetura rica que retrata a explosão da agropecuária e a influência da Igreja Católica. E as suas águas se estendem por mais de sete quilômetros, chegando bem próximo a Currais Novos, uma das cidades pólos do Seridó.

Todo mundo só o conhece pelo nome de Gargalheiras, mas oficialmente ele é chamado de Açude Marechal Dutra, represando o rio Acauã, que faz parte da bacia do rio Piranhas/Assu. A estrutura deixada pelo DNOCS, no entorno da parede do açude, está sendo aproveitada como equipamento turístico. Mas tudo de forma artesanal, ainda sem a preocupação de se oferecer um bom atendimento ao turista.

A barragem, construída em concreto entre as serras do Abreu, da Carnaubinha, Olho d'água e Gargalheiras, tem uma altura que chega aos 25 metros e 250 metros de coroamento, A bacia hidráulica ocupa uma área de 780 hectares e a capacidade máxima de armazenamento chega aos 40 milhões de metros cúbicos. A água é utilizada para abastecer as cidades de Acari e Currais Novos.

Não há nada mais encantador do que vê o Gargalheiras sangrando. A primeira vez foi em 20 de março de 1960
FONTE: SITE ACARARI - RN

Quem sou eu

Minha foto
Sou o subtenente PM/RN JOSÉ MARIA DAS CHAGAS, natural de Mossoró-RN, pai de quatro filhos e que tem como base principal de vida:AMAR A DEUS SOBRE TODAS AS COISAS" e AMAR AO PRÓXIMO COMO AMO A MIM MESMO"; ÃLÉM DE SER HUMILDADE E ATÉ A PRESENTE DATA NUNCA ECONOMIZEI UM GOTA DE HONESTIDADE. TENHO A MANIA DE ESCREVER, ESCREVER, ESCREVER, DE LER, LER, LER; DE PESQUISAR. COM CINCO BLOGS NA REDE MUNDIAL DE COMPUTADORES, CUJA META FINAL É DE CHEGAR AOS 7 BLOGS E 400 LINKS. SOU 95 POR CENTO TORCEDOR DO BARAÚNAS, O MAIS QUERIDO DE MOSSORÓ E 5 POR CENTO FLUMINENSE.

Minha lista de blogs